Arquivo do mês: setembro 2007

Ausência

Prezados leitores,

Desculpem-me pela ausência de novas publicações neste blog nos últimos dias. Estou mergulhado em uma série de provas e trabalhos acadêmicos que estão me tirando o sono. Não encontrei tempo, ainda, de atualizar esta página.

Some-se a isso o fato de ter sobrevivido milagrosamente a um acidente de trânsito com meu carro na madrugada de segunda-feira. Escapei ileso e sem nenhum arranhão.

imagem. acidente de carro

Prometo novidades para o fim de semana envolvendo a questão separatista no pará e algumas outras considerações sobre a questão midiática para as quais a universidade tem me abrido os olhos.

Abraços a todos.

Anúncios
Categorias: Opinião | Deixe um comentário

Dia mundial sem carro

Hoje celebramos o Dia Mundial sem Carro. Seria interessante ver esse dia se tornar uma realidade 100%. A cidade inteira sem carros, sem fumaça, sem barulhos de motores… Por um dia só, seria uma experiência legal.

Porém o saldo da Semana Nacional de Trânsito foi outro:

Brasil registra 254 mil mortes no trânsito em oito anos
Blogosfera revoltada
Comentários solidários com a indignação

Quem sabe se a gente não tentar só pedalar não poderemos colaborar com um protesto silencioso? Eu não vou nem tirar o carro da garagem.

Categorias: Jornalismo, Opinião | Tags: , , , , , , , , , , | 3 Comentários

Jornalismo livre

O blog Borboletas no Estômago, da Gabi, publicou que “a partir de hoje, dia19 de setembro, todo o conteúdo digital do The New York Times está leve, livre e solto na web, para quem quiser ler e entender inglês.”

Os leitores do jornal online agora terão acesso irrestrito a todo conteúdo produzido e publicado pelo jornal desde 1987. E mais: os antigos assinantes do serviço de notícias on-line serão reembolsados!

Mais um sinal da perda do poderio das grandes corporações midiáticas. O centro da imprensa é o público, não o meio.

Categorias: Jornalismo | 1 Comentário

Momento de Poesia

Me chamo Sorte, quando estou ao seu lado
mais do que sorte, eu diria destino
destino de algo que sempre sonhei
ou algo que me encontrou
 
Me chamo paixão
e meu sobrenome é loucura
quando tudo é incerto,
quando o céu não tem estrelas
e o dia ainda não tem Sol.
 
E me chamo Amor
quando te tenho nos braços
e tudo tem sentido.
 
Assim caminham nossas almas para o infinito.
 
(Luciano Santa Brígida e Kamila Brito) 
Categorias: Opinião | 1 Comentário

Jornalista é baleado durante apuração de matéria

“O jornalista Amaury Ribeiro Júnior foi baleado, nesta quarta-feira (19/9), em Cidade Ocidental, na periferia de Brasília. Ribeiro Júnior trabalha para o Estado de Minas e fez uma série de reportagens sobre a violência na periferia da capital federal, publicadas no Correio Braziliense.

Segundo informações do Correio, o jornalista foi baleado durante a apuração de uma reportagem. Ele estava em Cidade Ocidental (GO), localizada a cerca de 45 quilômetros de Brasília, quando foi atingido pelo tiro. Não se sabe se os tiros tinham o repórter como alvo ou se ele foi vítima de uma bala perdida.

De acordo com informações preliminares, bandidos seriam os responsáveis pelo tiroteio, próximo a um bar da região. Atingido na região da bexiga, Ribeiro Júnior foi encaminhado ao Hospital Regional do Gama. Segundo o hospital, seu estado de saúde é estável e ele está consciente.

Ainda de acordo com informação do Correio, o repórter visitava Cidade Ocidental há mais de um mês para apurar uma as reportagem especial sobre “Tráfico, Extermínio e Medo”. Neste período, ele entrevistou familiares de vítimas da violência e também jovens envolvidos com o tráfico na região. As ameaças surgiram no decorrer das apurações, o que fez o jornalista a fazer as visitas em carros sem a identificação do jornal.”

Fonte: Revista Consultor Jurídico

Leia Mais: Portal Comunique-se

Mais um atentado contra a Liberdade de Imprensa. No entanto, o culpado pelo disparo repressor da livre opinião não foi o dono do dedo que puxou o gatilho, mas o Governo que não deu condições de segurança para o cidadão jornalista e nem gerou oportunidades ao(s) ator(es) do crime.

Categorias: Jornalismo | 2 Comentários

Saiba se seu hardware é compatível com Linux

O BR-Linux. org realizou uma pesquisa e publicou uma completa Lista de Compatibilidades de Hardware.

A iniciativa buscou coletar dados sobre o que funciona no Linux hoje, e não sobre procedimentos de configuração para cada equipamento ou serviço, algo que já é feito por diversos outros projetos.

A fase de coleta da pesquisa terminou no último dia 31 de julho, tendo recebido de milhares de usuários brasileiros um total de 15.106 registros referentes à compatibilidade de equipamentos, periféricos ou serviços, conforme a experiência direta de cada um deles.

Confira a Lista: BR-Linux.org

Ajude a divulgar a lista brasileira de equipamentos e serviços compatíveis com Linux

…e concorra a MP4 e MP3 players, mochilas Targus, períodos de VoIP grátis e até a ventiladores USB – além de contribuir automaticamente para doações para a Wikipedia e o WordPress! O BR-Linux coletou mais de 12.000 registros de compatibilidade de equipamentos e serviços (webcams, scanners, notebooks, …) na sua Pesquisa Nacional de Compatibilidade 2007, e agora convida a comunidade a ajudar a divulgar o resultado. Veja as regras da promoção no BR-Linux e ajude a divulgar – quanto mais divulgação, maior será a doação do BR-Linux à Wikipedia e ao WordPress.

Categorias: internet, Opinião | 1 Comentário

Semana Nacional do Trânsito

Começou ontem, dia 18 de setembro, a Semana Nacional do Trânsito. Uma semana que pra mim é motivo de tristeza na cidade em que moro.

O Hermógenes, um amigo blogueiro, fez um vídeo muito interessante sobre o porquê da minha tirsteza. É um ótimo retrato da vergonha.

Uma semana só é pouco para mudar essa realidade.

Categorias: Opinião | 6 Comentários

Nova interface do GIMP

A equipe de desenvolvimento do GIMP lançou um blog chamado de GIMP UI Brainstorm, em que posta possíveis novas interfaces para as versões futuras do Software.

A imagem acima foi a que mais me interessou até agora. Está bem mais simples de organizar o trabalho, e não precisou copiar nenhuma interface de outros aplicativos proprietários, como faz o projeto GIMPShop.

Meu voto está dado. Parabéns ao desenvolvedor.

Categorias: Design | 2 Comentários

Você é a favor da divisão do estado do Pará?

A Unama promoveu ontem, dia 17 de setembro, um debate de caráter inédito sobre o tema: “A quem interessa a divisão do estado do Pará?”. O debate ocorreu no Auditório 01 do Campus BR e contou com a presença dos alunos e professores dos cursos de Economia, Administração, Direito e Comunicação Social.

Professores da Unama e parlamentares compunham a mesa que discutiu as (prováveis) vantagens e desvantagens da criação de dois novos estados: o estado de Carajás e o estado de Tapajós.

Proposta de divisão do estado do pará

Entre os argumentos apresentados no debate, destacaram-se: o Discurso Desenvolvimentista, pregando que a separação traria um rápido progresso socio-econômico; o Discurso da Identidade Social, pregando as diferenças culturais entre as regiões em função da grande carga de imigrantes; o Discurso dos Interesses Políticos, que diz respeito ao interesse da criação de novos aparelhos administrativos para evitar a concorrência com os atuais; e, finalmente, o Discurso da Extensão Territorial, afirmando que um estado com um território menor poderia ser bem melhor administrado e desenvolvido. Essas classificações foram propostas pelo professor da Unama Dr. Carlos Augusto Souza.

Um plebiscito será realizado para definir de vez a criação dos prováveis estados. Precisamos nos conscientizar de que isso não é mais uma realidade remota. Deixem seus comentários. Gostaria, imensamente, de poder ouvir a opinião dos leitores desse blog para que possamos chegar a um consenso como cidadãos.

Categorias: Opinião | 494 Comentários

Notícia com texto popular é estratégia?

Deu no Overmundo:

O texto pertence ao jornal Diarinho – Diário do Litoral. O jornal existe há 27 anos e trabalha com uma linguagem “popular” e com matérias sensacionalistas.

A proposta de escrever como o povo fala – assim como no exemplo foi usado “sisplicar” para explicar-se – é bastante interessante e já foi defendida por muitos escritores e poetas da língua portuguesa no Brasil. No entanto, o que o Diarinho faz está longe de ser chamado de jornalismo. É sensacionalismo e uma boa estratégia para conseguir clientes.

Jornalismo de verdade se faz pela luta dos direitos do cidadão. Pela denúncia. Pela crítica. Pela análise. Publicar a história de um “adolescente abestalhado” chega a ser uma ofensa ao público.

Categorias: Jornalismo, Opinião | 2 Comentários

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: